Passei aqui para deixar essa mensagem…

28 06 2008

Gosto de você mais perto, porque nesse momento as estrelas não parecem tão distantes e também por poder ver teu brilho ensinando como deve ser o delas.
Gosto quando bem de próximo você me olha com seus olhos azuis, e me entende sem dizer nada, porque nesse momento eu me identifico com o silêncio.
Gosto do silêncio que você faz, porque assim posso prestar mais atenção no ar e no vento que passeiam empurrando teu cheiro para dentro de mim.
Gosto e sinto orgulho do meu corpo quando tuas mãos se divertem por ele como criança sem pressa de nada; acreditando na existência do infinito.
Gosto das bobagens que me diz e das verdades que ferem, porque juntas representam tua sinceridade; cuidados por mim; preocupação em minhas melhoras.
Gosto quando louco ou sóbrio você deixa escapar pelos teus lábios o eu te amo sufocado; preso; acorrentado na garganta, porque essa frase pronta e sólida balança minha alma e me desestrutura o corpo para cima do seu.
Gosto de te abraçar depressa quando o abraço é de despedida, porque o prazer nessa ação se restringe só no de boas-vindas. E por isso e por tudo espero o novo dia, sempre quando você voa nesse lindo céu, já escrito no destino para um novo abraço, como aqueles do nosso passado que somados já não sei quantas vezes já mataram nossa saudade.

Anúncios

Ações

Information

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s




%d blogueiros gostam disto: